Warning: Invalid argument supplied for foreach() in /home/customer/www/maereal.pt/public_html/wp-content/plugins/convertkit/lib/class-convertkit-api.php on line 1315

Como mostrar aos nossos filhos que os amamos por palavras e gestos, e sem motivo aparente, dependerá unicamente de nós pais. Para isso temos de QUERER mostrar os nossos filhos que os amamos. Temos de ter VONTADE de mostrar aos nossos filhos que os amamos. Temos de ter DISPONIBILIDADE para mostrar aos nossos filhos que os amamos.

AMOR

Continuamos no mês do AMOR, e apesar do Dia dos Namorados já ter terminado, temos e devemos continuar a celebrar o AMOR.

Claro que não o vamos fazer apenas em Fevereiro. Devemos fazê-lo todos os dias, todo o ano.

E se anteriormente falei-vos sobre COMO CRIAR ROMANCE A DOIS?  e COMO MOSTAR AFETO NUMA RELAÇÃO?, desta vez venho falar-vos sobre como mostrar aos nossos filhos que os amamos, por palavras e gestos, sem motivo aparente e sem cobranças.

No entanto, para muitos adultos demonstrar o Amor é difícil, devido à falta de confiança, respeito, comunicação e comprometimento. Muitas vezes deve-se também porque espelhamos o tipo de relação que os nossos pais e os seus pais e os seus pais tiveram com os seus filhos. Se sempre houve dificuldade na demostração de AMOR na família, é possível que quando nos tornamos pais, tenhamos essa dificuldade também.

O AMOR não pode ser forçado. Mas deve ser vivido e celebrado sempre que possível.

Porque podemos não nos sentir confortáveis a demonstrar AMOR aos nossos filhos, deixo-vos aqui algumas dicas que espero que vos ajudem a soltarem-se mais 😊 (estas dicas podem ser utilizadas até para os vossos companheiros / maridos / namorados ou namoridos).

Posts relacionados:

 

40 DICAS

DIARIAMENTE

  • Dizer “Amo-te!” a qualquer motivo do dia.
  • Dizer “És a melhor coisa que me aconteceu!”
  • Se o teu filho te disser “Amo-te” primeiro, responde-lhe de volta “Amo-te ainda mais!
  • Dizer o quanto o amas, como por exemplo “Amo-te daqui até à Lua!” ou “Amo-te infinitas vezes!
  • Arranja um código secreto para dizer “Amo-te” quando estão em público, como piscar os olhos 3 vezes.
  • Arranja nomes carinhosos para os teus filhos e que eles arranjem para ti também (os meus filhos são macaquinhos).
  • Inventa letras de canções que ambos conheçam sobre cada um e parte à desgarrada.
  • Escreve bilhetinhos a dizer o quanto amas os teus filhos e coloca na lancheira, por exemplo.
  • Brinca com os teus filhos.
  • Cozinha com os teus filhos.
  • Lê com os teus filhos.
  • Faz trabalhos manuais com os teus filhos.
  • Assiste tv com os teus filhos, assim agarradinhos.
  • Constrói fortes ou cabanas com cobertores e lençóis.
  • Prepara uma surpresa para os teus filhos (certo dia, criei um consultório médico, tinha brinquedos novos, decoração de médico, quando acordaram, ficaram surpreendidos com o que tinha preparado para eles e adoraram!)
  • Diz “Obrigada“.

DEPOIS DE UMA AUSÊNCIA

  • Quando o fores buscar à escola, olha-lhe nos olhos e sorri.
  • Quando o teu filho falar para ti, para tudo o que estiveres a fazer e dá-lhe completa e total atenção.
  • Abraça o teu filho.
  • Beija o teu filho.
  • Diz “Senti a tua falta!
  • Diz “Estou feliz por te ver!
  • Diz “Ninguém dá abraços tão bons como os teus!”
  • Pergunta-lhe pelo dia dele.

EM SITUAÇÕES DE TRISTEZA E FRUSTRAÇÃO

  • Quando te zangares com ele, diz-lhe que precisas de uns minutos sozinha para te calmares, em vez te dizeres ou fazeres alguma coisa que o irá magoar (e a ti também).
  • Quando o teu filho estiver triste, não diminuas as suas emoções. Tenta entender o motivo da sua tristeza ou frustração.
  • Quando o teu filho estiver frustrado, incentiva-o a não desistir e oferece-te para o ajudares.
  • Não dês sermões.
  • Não sejas condescendente.
  • Não tentes arranjar uma solução por ele.
  • Não tentes resolver os problemas dele.
  • Quando o teu filho estiver triste, pergunta-lhe se quer conversar sobe isso.
  • Se o teu filho não quiser falar, dá-lhe espaço, mas diz-lhe que estás disponível para o ouvir quando ele estiver preparado.

EM SITUAÇÕES DE ALEGRIA

  • Felicita-o pelo trabalho que fez.
  • Felicita-o quando terminar algo.
  • Sempre que possível, diz sim, sim às brincadeiras, aos jogo, aos passeios.
  • Se não puderes, não digas apenas não. Explica porque naquele momento não é possível.

SE SENTES QUE O DESILUDISTE

  • Admite e pede desculpa. Pergunta-lhe o que podes fazer para corrigir a situação.
  • Explica-lhe que até os pais cometem erros.
  • Se tiveste uma atitude menos correta com o teu filho, explica-lhe qual era a tua intenção e como podes corrigir.

RESUMINDO

Estas dicas podem parecer um pouco estranhas. O que é que brincar tem haver com amor ou como assistir televisão com o teu filho significa que o amas?

São pequenos gestos e palavras no nosso dia a dia que mostram que amamos os nossos filhos.

É o estar presente, mas verdadeiramente presente que mostra que amamos os nossos filhos.

E tal como se costuma dizer, comportamento gera comportamento. Se estivermos verdadeiramente presentes para os nossos filhos, se nos interessarmos genuinamente pelas coisas dos nossos filhos, se mostrarmos realmente que os amamos, eles irão crescer com o nosso exemplo, com o nosso comportamento e serão eles no futuro, como pais, capazes de mostrar aos seus filhos que os amam.

E tu, Mamã, como mostras ao teu filho que o AMAS?

 

Posts relacionados:

 

O melhor elogio que poderei receber é partilharem e fazerem like no meu artigo. Vá lá! Elogiem-me!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.