BebéSaúde

Tummy time

Deitar e brincar de barriga para baixo

O que é?

Recentemente falei-vos sobre a Plagiocefalia e como o Dinis está a ser acompanhado pelo pediatra para ver se a cabecinha dele vai ao sítio. Podem ler o artigo aqui.

Uma forma de prevenir as deformações cranianas é praticar o tummy time, isto é deitar o bebé de barriga para baixo e brincar com ele sob a supervisão dos pais ou outros responsável. Nesta posição, nenhuma pressão é aplicada na parte de trás da cabeça. A tummy time serve também para ajudar o bebé a desenvolver habilidades motoras e fortalecer os músculos do pescoço, ombros, braços e barriga.

Porque é importante?

Colocar o bebé de barriga para baixo ajuda-o a praticar a manter a cabeça levantada e a suportar o seu próprio peso com os seus bracinhos.

Isto irá fortalecer os músculos do pescoço, ombros, braços e barriguita. Este fortalecimento é importante ara depois o bebé conseguir levantar-se, rebolar,empurrar coisas e até gatinhar.

Ao colocarmos o bebé de barriga para baixo damos-lhe a oportunidade de se mexer para os lados, o que o ajudará a controlar a coordenação e postura do corpo. Se o bebé conseguir controlar e coordenar o corpo, vai ter coragem para se mexer mais, para explorar mais, assim como aventurar-se a gatinhar.

Síndrome de Morte Súbita

Como forma de prevenir o Síndrome de Morte Súbita (SMS) foi recomendado que os bebés dormissem de barriga para cima.

No entanto, hoje em dia os bebés passam muito tempo deitados de barriga para cima, nos berços ou até mesmo nas cadeiras do carro, e isso levou a que novas preocupações surgissem, pois passarem muito tempo deitados pode levar ao desenvolvimento de deformações cranianas.

Por isso é necessário variar o posicionamento do bebé quando a dormir, não só para evitar o SMS, mas também para evitar as deformações cranianas.

A nossa experiência

Desde os primeiros dias que colocámos o Dinis de barriga para baixo. Durante pouco tempo, claro pois era recém nascido. Faziamo-lo na cama, mas principalmente sobre o nosso peito, quando nos deitávamos na cama, de barriga para cima.

Inicialmente apenas fazia isto uma vez por dia, durante 2 a 3 minutos. Agora fazemos várias vezes ao dia e durante 5 a 10 minutos, dependendo da vontade do Dinis.

Ele não gosta muito de estar deitado de barriga para baixo. É um pouco preguiçoso. Por isso, tive de pesquisar formas para tornar o tummy time mais divertido para ele, e resolvi partilhá-las convosco.

Como tornar o tummy time divertido?

  • Utilizar um tapete macio e fofo. Os bebés gostam de texturas e se poderem estar à vontade (pés descalços, por exemplo) terão uma experiência táctil mais estimulante;
  • Utilizar um tapete colorido e com várias texturas, com brinquedos presos, para incentivar o bebé aproximar-se dos brinquedos e pegar neles;
  • Colocar brinquedos à frente dele e até mesmo espelhos para que o bebé possa admirar-se enquanto levanta a cabecinha.

Como ter sucesso com o tummy time?

Antes de mais é preciso ter calma e não stressar. Há bebés que não gostam de estar deitados de barriga para baixo, e vão desenvolver-se da mesma forma. Recordo-me que o Martim passava pouco tempo deitado, mas começou a desenvolver os músculos das pernas e pescoço na andadeira e no parque, pois só queria estar de pé. Na verdade não me recordo de ele ter gatinhado antes de aprender a caminhar. Acho que foi mesmo depois! Há também bebés que não gostam de estar muito tempo deitados, por isso é preferível fazer durante pouquinho tempo, e ir aumentando o tempo e número de vezes gradualmente.

Outras formas para terem sucesso com o tummy time são:

  • Começar cedo. Não precisa de ser num tapete de atividades, mas sim na nossa barriga, umbigo com umbigo, sem roupa, para o bebé sentir um contacto mais próximo com a mãe e/ou o pai;
  • Enquanto o bebé estiver em cima de ti, canta, fala para ele, olha nos seus olhos. Este é um momento especial tanto para o bebé como para a mãe e deve ser aproveitado ao máximo (o Dinis adora estar deitado em cima de mim e que eu faça macacadas);
  • O tummy time é para a família toda. Até os avós podem deitar-se no chão a brincar com o bebé. E é importante que quando o bebé estiver deitado de barriga para baixo, nós também estarmos, e falarmos para ele para que ele levante a cabeça e procure por nós;

É importante não esquecer que se o bebé estiver cansado, com sono ou se tiver acabado de comer / mamar, não vai querer estar de barriga para baixo e forçá-lo apenas vai levar a que ele crie resistência a tummy time das próximas vezes.

 

Etiquetas

Livia Gomes

Olá, Eu sou a Lívia, mãe, mulher, empresária, autora, entrevistadora, blogger, enfermeira, médica, taxista, cozinheira, educadora, professora, apaziguadora (!?) e muito mais… fui ganhando a maior parte destas profissões a partir de 2014. Até então era apenas uma mulher com uma vida social agitada, até que em 2014, surge o Martim, o traquinas. Como se não bastasse, em 2017 resolvi repetir a dose e eis que nasce o Dinis, o arrebata corações. Com os nascimentos dos meus dois filhos, o meu mundo mudou e eu não trocava a minha vida por nada (exceto, talvez, por algumas horas de sono!).

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Close
Close